26 abril 2010

Capítulo 10 - Medo dos momentos finais da vida

Ae pessoalzinho! Segunda-feira, capítulo novo. Aqui vai o 10º:

Capítulo 10 - Medo dos momentos finais da vida (João 14:1, 3)

Alguns filósofos e pensadores que já passaram por esse mundo disseram algumas coisas sobre a morte: “Deve ser a coisa mais temida, pois parece ser o fim de tudo”, “a morte tira o significado da vida”, “A vida é um vale estreito entre os frios e áridos picos de duas eternidades. Esforçamo-nos para olhar além das alturas”. “Estou indo para o grande Talvez”.

Que linguagem triste e deprimente! Se a morte nada mais é do que “o fim de tudo”, “áridos picos”, e o “grande Talvez”, qual é a possibilidade de morrer bravamente?Mas e se os filósofos tiverem errado? Suponha que a morte seja uma passagem, não uma crise a ser evitada, mas uma esquina para virar? E se o cemitério não for o domínio da Morte mas o domínio do Guardião das Almas, que um dia anunciará: “Vocês que voltaram ao pó, acordem e cantem de alegria” (Isaías 26:19).

Essa é a promessa de Cristo: “Não se perturbe o coração de vocês. Creiam em Deus; creiam também em mim. Na casa de meu Pai há muitos aposentos; se não fosse assim, eu lhes teria dito. Vou preparar-lhes lugar. E se eu for e lhes preparar lugar, voltarei e os levarei para mim, para que vocês estejam onde eu estiver” (João 14:1, 3).

Mas como poderemos ter certeza de que Ele vai cumprir a sua promessa? Temos alguma garantia de que suas palavras são mais do que poesia vazia ou vã superstição? Ousamos pôr nossa esperança e o nosso coração nas mãos de um carpinteiro judeu do interior? A resposta está no cemitério de Jerusalém. Se a tumba de Jesus estiver vazia, então a promessa dele não é falsa.

Mas você não precisa ir até lá. Jesus realmente experimentou uma ressurreição física e factual! E – aqui está – como Ele o fez, nós também o faremos! “Mas cada um por sua vez: Cristo, o primeiro; depois, quando Ele vier, os que lhe pertencem” (1 Co 15:23).

Jesus dá coragem para a passagem final. A morte – “uma nova aventura na existência”. Não precisa temê-la ou ignorá-la; Graças a Cristo, você pode enfrentá-la.


Fiquem na Paz. Abraços do Galho.

4 comentários:

nilo disse...

Jesus dá coragem para a passagem final. A morte – “uma nova aventura na existência”

Ana Elise disse...

Mandou muito bem Galho!!
A única coisa que devemos fazer para que Deus nos de esta coragem é crendo nEle! Sabendo que só Ele tem o poder de mudar a nossa eternidade!!!

Nani disse...

Pura verdade!!! Jesus já VENCEU a morte! Ela não tem mais poder sobre aqueles que foram lavados em seu sangue!!!! Uhuhuhlll, de vdd isso é uma grande alegria, para nós... loucura para o mundo! Não tememos mais á morte!!! Temos Vida eterna!!!

nilo disse...

AMÉÉÉÉÉM!

Viver é Cristo, morrer é lucro!