03 dezembro 2007

Palavra do Dia 04/12, por Ivan Azevedo

" Ao pensar sobre minha participação no JOVENS e sobre minha vida com Deus, sempre caio em evangelização.
Outra coisa que sempre me vem à mente é a falta de relacionamento da igreja com a comunidade. Tenho pouco mais de um ano freqüentando a Boas Novas e a única vez que interagi com “vizinhos” foi ao entregar folhetos da Noite de Angola.
Na realidade, a falta de integração com as pessoas e a evangelização caminham lado a lado. Jesus nos ensinou isso.
Conferência Missionária. No sábado do dia 24, quando houve a apresentação da “peça” sobre a igreja perseguida, algo me perguntava: “E você, quais são suas ações?
No domingo, dia 25, ao chegar à igreja, peguei o boletim e a primeira frase da Pastoral dizia: “Li um livro secular estes dias que falava que a razão porque o movimento de João Batista não continuou e o de Jesus continuou foi porque Jesus tinha seu programa uma dimensão comunitária” (Pr. Jonas). Por isso que escrevi a cima que Jesus nos ensinou que precisamos ter mais relacionamento com os vizinhos.
No início do culto o Ricardo mostrou o vídeo de um ex-morador de rua que conta a sua transformação com lágrimas no rosto. Depois, um rapaz de aproximadamente 16 anos fala sobre a saída do crime e a sua conversão. Para mim, parecia uma aula intitulada “Como alegrar a Deus”.
No final do culto, o Pr. Clésio abriu total espaço para uma possível aceitação. Chamou pessoas à frente, orou por vezes, oportunizando a salvação de uma alma. Mas algo me marcou. Ele pediu licença à igreja para realizar tal ação. Pensei: “será que alguém resmungaria?” Para mim, o momento do apelo, junto com o do louvor, é a parte mais espiritual durante um culto.
Sempre oro para Deus tomar o coração de algum incrédulo e enche-lo de amor.
Dessa conferência missionária, que “acabou” no fim de semana passado, espero que nós, JOVENS, visualizamos nosso verdadeiro papel enquanto cristãos e que nosso ministério seja Luz, pois, com certeza, é o que Deus espera de nós.
Não vejo outra razão para o JOVENS que não seja a evangelização."

4 comentários:

Le disse...

concordo plenamente com a "conclusão" do Ivan...e o melhor de tudo, foi que um de nós que escreveu!
=)

Savanarola disse...

Parabéns Ivan !! O seu comentário foi bastante edificante !!

Nirleide disse...

É isso aí moçada o Ivan falou e disse hein?
A verdade é que se nossa motivação não for o que Jesus Fez por nós, difilmente falaremos dele aos outros. E se não falamos Dele, então porque O Seguimos?
Nós O amamos, porque Ele nos amou primeiro..., mas Ele não amou só a nós, mas sim a todas as pessoas. Que tal que "elas" saibam disso??
Parabéns ao Ivan e fiquem na Paz!
Shalom

jo disse...

nao vejo outra missao nem para a igreja. estamos aqui para isso.
:)