27 outubro 2010

TRIGO lança primeiro cd "Que Haja Som"

As vésperas do lançamento do seu primeiro Cd “Que haja som”, a banda TRIGO conta sobre o cd, carreira e fala um pouco sobre os planos para o futuro.

- Com certeza a vontade, o sonho, de gravar o cd já existia desde o início do TRIGO. Mas quando foi que vocês perceberam que realmente era possível a produção desse álbum?

Wagner: Nós já havíamos gravado vários singles independentes e divulgado na internet, mas em 2008 nós fomos convidados a tocar num workshop intitulado “encontro de adoradores”, e conhecemos o Rodrigo Soeiro que além de cantor também é produtor da Cena Sonora, a nossa gravadora. Daí veio o convite de fazermos uma audição e tudo começou a acontecer.

Júnior: Aquele foi realmente um momento chave para a banda. Depois de 2 anos de luta, eu ao menos sentia que se tivesse que acontecer algo aquele seria o momento.

- Vocês foram atrás de gravadora, produtores, ou foi tudo acontecendo naturalmente?

Wagner: A Cena Sonora nos achou e isso foi obra do Senhor, não temos dúvida. Mas antes disso orávamos e trabalhávamos no sentido de divulgar o nosso trabalho.

Júnior: Ah! Teve a questão da oportunidade também. Naquele dia, no “encontro de adoradores”, ao final do workshop organizei minha melhor falta de pudores e fui conversar com o Rodrigo Soeiro. A primeira pergunta que fiz foi “e aí, como anda o cenário gospel em São Paulo? “. Foi o início de todo o processo...

- Como é o processo de composição? Todos os integrantes da banda compõem?
Wagner: atualmente eu e o Junior Siqueira compomos. No álbum a minha contribuição foi um pouco maior, mas hoje o processo criativo está mais participativo.
Júnior: Como diz o Wagner, não pode ter medo de colocar a música na roda.

- Quantas músicas são de autoria da banda?

Wagner: todas do álbum!

- Como foi a escolha do que entraria no cd?
Wagner: foi difícil ..rsrsrs... eram umas 30 músicas e ainda achamos que muita coisa boa ficou de fora.
Júnior: inicialmente cada integrante fez sua lista. Discutimos e fechamos nas músicas em comum. Os produtores também fizeram sugestões. Mas realmente foi difícil...
- Por que a música Que haja Som foi escolhida para dar nome ao primeiro cd? Quando a canção foi feita o cd já estava em produção? Como foi essa escolha?

Wagner: a música já havia sido composta antes, nós já a levamos para as primeiras audições. Ela foi escolhida porque resume o conceito do álbum todo, que é musicalmente muito colorido. Queríamos dizer “que haja som, para o Seu louvor, de todas as maneiras, de todas as formas... que haja som!”

Júnior: me lembro que também foi difícil darmos o nome ao CD. Inicialmente queríamos fugir da ideia de o nome do CD ser o nome de uma música. Mas num café em São Paulo, conversando com nosso produtor, batemos o martelo.

- A banda TRIGO já gravou dois Cds demos. As músicas que estão nesses trabalhos estarão presentes também no cd oficial?

Wagner: apenas Eu sou o Seu Pai, que é a música que mais nos pedem nas apresentações e a que tem maior número de acessos no site.

Júnior: É...temos consciência de que Eu Sou Seu Pai será aquela música que depois de 50 anos de banda pedirão pra tocarmos...rsrsrs.

- Qual a mensagem principal do cd? O que vocês pretendem passar ao público através das músicas gravadas?
Wagner: bom, esse cd é um agradecimento a Deus em primeiro lugar. Fizemos de coração em homenagem ao nosso Senhor Jesus. Queremos também falar a todas as pessoas, crentes e não crentes. Gostamos de falar dos sentimentos em relação a Deus e estimular a fé.
Júnior: olha...música no meio evangélico, principalmente nos últimos anos se tornou uma coisa emblemática. De uma certa forma estamos retomando um estilo que teve seu auge nos anos 90. Nosso ministério é sério e nossa música também, mas queremos que as pessoas também se divirtam ao nos escutar.

- Quanto tempo levou para que o cd ficasse pronto?
Wagner: dois anos, para que fosse bem definido e trabalhado o suficiente.

- Quais as dificuldades que enfrentaram durante as gravações e até agora, pouco antes do lançamento?

Wagner: elementos básicos: tempo e dinheiro! Rsrsrs. Falando sério, acho que todos que se propõem a levar adiante um ministério sabem dos seus espinhos. Mas a benção é maior!
Júnior: como não vivemos disso (música), a questão de conciliarmos nosso tempo foi o mais complicado. Teve dias que gravamos até as duas da manhã numa quarta-feira, chegávamos em casa em torno das quatro e tínhamos que levantar as seis e meia pra ir trabalhar!!

- O mundo da música no Brasil não é fácil para todos, diria até que é mais fácil apenas para uma minoria, ainda mais no mundo evangélico. O que motivou a banda, e acho que ainda motiva, a não desistir de realizações como a produção do novo cd?

Wagner: eu particularmente me sinto em dívida com Deus. Toda vez que olho para a minha vida e vejo as maravilhas que Ele fez eu sinto essa necessidade de falar dEle, de agradecer a Ele, de testemunhar do Seu amor. A forma que Deus me deu para fazer isso é tocando e compondo, então acho que a minha estrada é longa nesse sentido.

Júnior: creio também que um CD é apenas resultado de uma série de fatores como vida com Deus, qualidade, novidade e gosto do público. Buscamos isso e necessariamente nessa ordem.

- Quais as expectativas com o lançamento do cd?
Wagner: queremos tocar muito, abençoar pessoas. Mas já estamos felizes por termos registrado esse trabalho e saber que em algum momento alguém vai ouvir e dizer: “eu quero esse Jesus!”, ou “minha fé foi renovada...”.
Júnior: é isso aí. As pessoas que forem, queremos que saiam impactadas de lá.

- Qual o diferencial do álbum Que haja Som? Por que as pessoas devem ouvir e curtir as canções que vocês oferecem?

Wagner: a nossa historia, individualmente, é muito diferente uma da outra. Musicalmente falando viemos de lugares distintos, e isso reflete diretamente em nossa música. É justamente por essas influências que nosso trabalho é diferente.
Júnior: sem dizer sobre as letras que são um diferencial, pra quem não está a fim de escutar mais do mesmo...

- Como será o show de lançamento? Não dá para contar tudo, perde a graça, mas o que vai ter de diferente para atrair o público, chamar a atenção?
Wagner: queremos que esse evento seja uma festa espiritual, queremos que seja evangelístico, tocaremos as musicas do cd acompanhados de multimídia, músicos convidados e uma dose descomunal de gratidão a Deus! rs
Júnior: fora nossa beleza?!?!? rsrsrsrs

- Nos shows não tocam apenas as composições da banda. Algumas músicas são mais antigas, e a diferença fica por conta dos arranjos que dão cara de rock à música. Como é a escolha dessas músicas?

Wagner: na verdade nós tocamos apenas um cover, apenas uma musica que não foi composta por nós. Temos um repertório muito bom, mas achamos que “Hoje é tempo de louvar” merecia uma versão mais com a nossa cara, e foi o que fizemos!
Júnior: hoje é a única música mesmo (hoje é tempo), mas se tiver outra música que achamos bacana, damos aquela cara de TRIGO pra ela (rsrs) e colocamos no repertório.

O lançamento do cd será dia 6/11 na Comunidade Cristã de Jundiai. Detalhes acessem: http://www.otrigo.com.br/

2 comentários:

Anônimo disse...

http://prixviagrageneriquefrance.net/ viagra generique
http://commanderviagragenerique.net/ prix viagra
http://viagracomprargenericoespana.net/ viagra
http://acquistareviagragenericoitalia.net/ viagra acquisto

Anônimo disse...

http://prixviagragenerique50mg.net/ prix viagra
http://prezzoviagraitalia.net/ viagra acquisto
http://precioviagraespana.net/ viagra